Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

umblogdeteste

umblogdeteste

A confiança fica como uma osga colada ao chão

26
Jul20

Depois de escrever este post tive várias reações (já era expectável).

Mas recebi também feedback de mais “colegas de profissão” que sentem o mesmo.

Curiosamente, não recebi nenhuma mensagem a dizer-me que foram os amigos os grandes impulsionadores...

É de lamentar...

Mas, não quero mais mastigar este tema.

Quero falar de confiança.

Quem trabalha no escuro de um escritório sozinho, como a maioria das pessoas que escreve conteúdos, que produz material para o online, que grava vídeos tem uma confiança bipolar.

Quando nos chega o processo criativo, encarnamos no Arnold Schwarzenegger e venha quem vier, já matámos!

Porém, após partilharmos aquele momento excitante e aliciante de criação, há um espaço morno.

Preferi morno a morto, mas é quase a mesma coisa.

Chega a hora da dúvida...

“Estava tão inspirada! O texto ficou incrível...”

E de repente, não sabemos o que está do lado de lá.

Não temos uma pastelaria aberta que vende cupcakes e que as pessoas ou gostam ou nos cospem na cara.

Quem será que leu?

Será que leram até ao fim?

Será que vai ser útil a alguém?

Será que faz sentido?

Será? Será? Será?

E no processo do será, a nossa confiança fica como uma osga colada ao chão.

Dentro da nossa cabeça, começa um imenso e descontrolado jogo de ping pong com tantas bolas e poucas raquetes.

E depois, voltamos a ler e já não parece assim tanto bom.

Passada a agonia dos serás e o estado de osga... os números que são pessoas que não sabemos se são altas, baixaaa ou novas, começam a crescer, o feedback a entrar e a bipolaridade da confiança entra de pés juntos.

E siga que está na altura de criar mais e mais!

Afinal as pessoas estão a gostar.

E é com esta loucura quase descontrolada mas tremendamente feliz que se vive até à próxima postagem...

Tem tanto de louco como de fascinante!

 

Credítos de imagem: Gaelle Marcel